Editorial semanal

As surpresas de Deus

Rev. Cristiano Zioli

Viver se torna um peso quando não se tem uma razão para se viver. Hoje em dia as pessoas estão correndo e o tempo se torna cada vez mais precioso. A pergunta que fica é: “Estão correndo de quem? Ou para que?” Talvez estejamos correndo de nós mesmos, de encarar o que precisamos encarar, de trazer à luz o que temos escondido durante muito tempo. Dores, traumas, certos pecados de estimação que precisamos conduzir a Deus, senão iremos enlouquecer e nos perder. Porém, essa perdição não será sentida, porque estamos anestesiados e acostumados com o monstro de estimação em nós.

Correr para enriquecer ou para garantir o futuro dos filhos. Herança do Senhor são os nossos filhos, portanto, os caminhos deles já pertencem ao Senhor. Apenas nos basta dedicar nossa vida em consagração e instrução deles na verdade do Evangelho. Entregar a Deus o que nos é mais precioso é, talvez, a coisa mais difícil de se fazer. Queremos ter um certo controle do que fazemos e de quem está sob nossos cuidados. Sonhamos com o futuro e depositamos ali muita esperança.

E é aí que Deus nos surpreende e derruba nossos castelos de cartas e experimentamos o fracasso, porque confiamos em nós. É lícito fazer planos, é importante planejar, é sábio pensar antes de fazer. Porém, a Bíblia nos lembra que a palavra certa vem do Senhor. Descansar em Deus tem a ver com fazer o que nos cabe e crer que o necessário Deus fará.

 
Pagina 8 de 402

Acesso Área Restrita

rss

Não foi especificada a URL da fonte de notícias.
Você está aqui: Início Atividades Semanal Editorial